6 questions et réponses sur la déclaration de revenus

Écrit par

Vous cherchez quelqu'un pour faire votre travail scolaire, Mémoire de recherche, thèse ou tout autre travail académique? Cliquez ici et faites votre budget dès maintenant!

Se você não sabe como preencher o documento, veja neste artigo as respostas para as principais dúvidas sobre o preenchimento da declaração de IR

Com a chegada do período de declaração do imposto de renda, muitos contribuintes ficam com dúvidas sobre como preencher corretamente o documento e evitar problemas com a Receita Federal. 

Entre as questões que geram mais incertezas está o investimento em criptomoedas, que vem se popularizando nos últimos anos. 

Para ajudar a esclarecer as principais dúvidas, preparamos este artigo com 6 perguntas e respostas sobre a declaração do imposto de renda.

1. Quem precisa declarar o imposto de renda em 2023?

De acordo com as regras divulgadas pela Receita Federal, quem precisa declarar o imposto de renda em 2023 são aqueles que tiveram rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2022.

As pessoas que tiveram rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados na fonte acima de R$ 40.000,00 no ano, assim como em anos anteriores, também precisam declarar.

Além disso, existem outros cenários onde a declaração se torna obrigatória, como quem:

  • Obteve lucro na venda de bens ou direitos;
  • Executou vendas na bolsa de valores;
  • Teve posse de bens que juntos somam mais de R$300 mil;
  • Optou por ser isento do imposto na venda de imóveis residenciais. 

2. Quais documentos são necessários para a declaração?

Para fazer a declaração do imposto de renda, é necessário ter em mãos alguns documentos importantes, como:

  • Informes de rendimentos;
  • Comprovantes de pagamentos e recebimentos;
  • Documentos de bens e direitos;
  • Informes de previdência privada;
  • Documentos de dívidas e ônus;
  • Cópia da declaração anterior.

Além desses documentos, é importante também ter os dados pessoais, como CPF, nome completo, data de nascimento e endereço atualizado.

3. Onde encontrar o informe de rendimentos?

O informe de rendimentos é um documento que contém informações sobre os rendimentos do contribuinte ao longo do ano, como salários, aposentadorias, pensões, investimentos e outras fontes de renda. 

Esse documento é emitido pelas empresas, bancos e outras instituições financeiras onde o contribuinte possui conta. Dessa forma, é possível encontrar o documento a partir do aplicativo, internet banking ou canais de contato oficiais das instituições.

Para ter acesso ao informe de rendimentos, o contribuinte deve acessar a área do cliente do banco ou entrar em contato com o serviço de atendimento ao cliente para solicitar o documento.

lion, feline, wild

4. Como declarar investimentos em criptomoedas?

Os investimentos em criptomoedas devem ser declarados na ficha de Bens e Direitos, informando o valor de aquisição da moeda digital. 

Se houver venda de criptomoedas no ano com lucros, é preciso informar o valor da venda e a data da transação. Nesse cenário, a criptomoeda é vista como ganho de capital, sendo assim obrigatória a sua declaração.

5. Como pagar o imposto de renda?

Para pagar o imposto de renda, o contribuinte pode emitir o DARF (Documento de Arrecadação de Receitas Federais) pelo programa de declaração do imposto de renda ou pelo site da Receita Federal.

Após preencher o DARF com os dados da declaração, é necessário efetuar o pagamento em uma agência bancária, casas lotéricas ou pelo internet banking. O pagamento pode ser feito à vista ou parcelado em até oito vezes, com acréscimo de juros e multa.

É importante ficar atento aos prazos de pagamento do imposto de renda, que são definidos pela Receita Federal e divulgados com as datas de entrega da declaração. 

6. Quais são os prazos do imposto de renda 2023?

Os prazos do imposto de renda 2023 foram divulgados pela Receita Federal e vão de 8h da manhã do dia 15 de março até às 23h59 do dia 31 de maio de 2023.

É importante lembrar que os contribuintes que perderem o prazo de entrega da declaração do imposto de renda estarão sujeitos a multa e a outras penalidades, além de terem que arcar com juros e correção monetária caso tenham imposto a pagar. 

Por isso, é fundamental se organizar com antecedência e não deixar para fazer a declaração na última hora.